Em aparte ao deputado estadual Heitor Férrer (PSB), na última sexta-feira (15), na Assembleia Legislativa, o deputado Agenor Neto (PMDB) criticou o desperdício do dinheiro público com quatro tuneladoras, adquiridas pelo Governo do Estado para a construção da Linha Leste do Metrô de Fortaleza.

"O deputado Heitor Férrer nos mostra aqui que foram rasgados em torno de R$ 150 milhões de reais para adquirir quatro tatuzões, que não servem para nada, e o povo da região Centro Sul pedindo apenas R$ 3 milhões por ano para o Hospital Regional de Iguatu, e esse governo diz que não tem dinheiro", pontuou.

Conforme os dados trazidos ao plenário pelo deputado Heitor Férrer, o Governo deve com a manutenção das quatro tuneladoras, cerca de R$ 6 milhões de dólares.  “São aproximadamente R$ 25 milhões de dólares. Isso demonstra claramente a forma pela qual o Estado do Ceará era e continua sendo administrado, priorizando vaidades, e não as pessoas”, disse Agenor Neto.